Defesa Civil alerta gestores para prevenção às engentes

O Governo do Estado, através da Secretaria de  Defesa Civil, em parceria com o Corpo de Bombeiros do Piauí trabalha para minimizar os transtornos do período chuvoso. Todos os anos, cidades como Barras, Batalha, Esperantina, Parnaíba e União são afetadas com as intensas chuvas que caem no estado. De acordo com o secretario Geraldo Magela, a Defesa Cívil e os órgãos do Governo trabalham medidas de prevenção com a possibilidade de enchentes.

“Vamos encaminhar um ofício aos municípios com medidas sobre o que fazer em caso de enchentes e, principalmente, medidas de prevenção à população em geral. Precisamos do empenho dos gestores com algumas ações, como limpeza de vias públicas, desassoreamento de córregos e verificação de áreas de riscos. Também vamos pedir a colaboração dos gestores de cidades com histórico de enchentes, principalmente porque ainda estamos no período de pandemia, caso seja necessário abrigar famílias”, destacou o secretário de Estado da Defesa Civil, Geraldo Magela.

No documento que está sendo preparado à população em geral, destacam-se dicas de segurança. Entre elas está: em caso de chuva forte, ficar em local protegido; evitar ficar embaixo de árvores; durante a incidência de raios evitar ter contato com a rede elétrica; se tiver que sair durante uma forte chuva, evitar passar em enxurradas e informar aos órgãos competentes sobre a iminência ou ocorrência de um desastre.

Aos gestores de cidades com histórico de enchentes, a Defesa Civil destaca os cuidados com abrigos para evitar a transmissão do novo coronavírus, como por exemplo, evitar ter famílias distintas abrigadas em um mesmo local.

O documento pede ainda que seja feito um levantamento no município de famílias em áreas de risco de acordo com situações de anos anteriores, principalmente as que ficam localizadas às margens de riachos ou córregos.

 

LEIA TAMBÉM

Deixe um Comentário